Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Modinha?

Hoje, um post sobre moda. Assim tão vago? Moda? Não. Vamos ao post.

Para começar, vamos definir moda, em nosso momento, no nosso tempo,
moda no que vivemos hoje.
Bom, moda é tudo aquilo que faz sucesso e de certa forma agrada a um grupo de pessoas da sociedade que querem ter algum sucesso, idependente de qual seja, e que recorrem a moda, para estar nessa onda de sucesso que a moda está causando. Então essa moda em algum momento deixa de fazer sucesso, e é substituida por outra moda, e as pessoas seguem essa nova moda novamente, e assim segue o ciclo. Entendido? Não? Certo, vamos tentar de novo. Moda é igual a fase da virgindade, que da e passa (não para os homens, claro). Péssimo exemplo, melhor, a moda é aquilo que as garotas com maior nível aquisitivo e os garotos sexualmente indecididos seguem. Fiz o que pude, quem não entendeu até agora, leia, releia, leia novamente, jogue no google, vá se fo... dê seus pulos.

Mas chega de firula, vamos falar dessa coisinha chamada moda. Em épocas passadas, tempos remotos, perdidos, lembrados pelos nossos avôzinhos e avózinhas, a moda deles era algo até que interessante, era uma moda, digamos, saudável. As modas tinham lá seu intuito, aonde quero chegar mesmo é que, a moda deles não fazia vergonha na época. Hoje sim, seria vergonhoso você sair na rua vestido a caráter anos 60. Porém, não era vergonhoso na época. Mas veja o que vivemos hoje, olhe a sua volta (sem outras intenções) a moda de hoje é vista como vergonhosa, e infelizmente, é!
Temos a moda hoje daquele tipo de raça semi-humana, que vive do recomeço... hm como é?
Os coloridos! Isso! É moda agora a garotada alegre sair com calças ai de todo tipo de cor, e é bem ridículo, bem ridículo MESMO! Sem contar que eles falam como retardados. É uma moda muito constrangedora para nós. Nós homens sãos.
Assim como a moda da internet, ter uma vida na internet, ser um cara foda na internet! Pô mulecada, internet é legal muita gente ganha a vida com ela, mas precisamos da nossa vida real! Precisa sair na rua, pegar um solzinho, ver pessoas, fazer alguns exercícios, praticar esportes, porra, saúde! Ninguém vive desse 5 contra 1 não gordinho branquelo, anêmico, infartado com seus 15 anos de idade. Aproveitando esse papo de internet, uma moda da internet, que ja cansa a beleza de poucos (poucos tem beleza para cansar) é o tipinho "comédião", "stand-up tragedy" do twitter! Sempre tem aquele que quer dar aquela twittada engraçadona, quer fazer aquela piada inteligente, que nem o seu cachorro biruta não ri mais.
Modas, modas e modas... Para finalizar com esse papo de modas, tem a moda dos espertões diferentes que querem estar fora da moda. Bem contraditório, mas é a moda que está na moda.
Esse tipo de pessoa fica lá, "pô, isso é a maior modinha", "vou parar de falar com você. Você agora é da modinha", "ah, vou parar de lamber papel higiênico primavera, porque virou maior moda", "vou fazer um puta caminho de rato no cabelo, pintar cada lado de uma cor, passar três pinos pela bochecha, e colocar um chifrezinho de polietileno expandido, porque não vou estar na moda, vai ter ninguém igual a mim" COM CERTEZA QUE NÃO! Mas vai ter aquele cara, quase igual a você, porque está na moda pensar assim, está na moda esse ser diferente, e ninguém mais sabe qual moda é pior agora. É melhor ser diferentemente na moda, ou estar na moda diferente? Vá saber.

2 comentários:

  1. "Moda de cu é rola."
    Diria o poeta, enquanto põe sua roupa menos colorida para ir a um bar onde certamente o som é The Who, Joplin, ou coisa do tipo. Bons tempos, ou não.

    ResponderExcluir
  2. Primeira vez que visito seu blog e claro gostei do comentario que vc postou aí fala de moda e claro tudo é moda mano vlww msm

    ResponderExcluir